BANDIDOS MATAM DOIS POLICIAS…

 E aterrorizam oito municípios do RN
Viatura da PM foi queimada em Taipu, no RN (Foto: Henrique Dovalle, da Inter TV Cabugi)

Em menos de 18 horas, ocorreram assaltos, explosão, incêndio e tiroteios.
Foram alvos agências dos Correios, bancos e a própria PM.
A Polícia Militar do Rio Grande do Norte registrou, durante a tarde e noite desta segunda-feira (3) e madrugada e manhã desta terça-feira (4), uma série de intervenções criminosas em oito municípios potiguares. Os criminosos saquearam caixas bancários, arrombaram prédios públicos, explodiram uma agência bancária, promoveram arrastões em agências dos Correios, incendiaram uma viatura da Polícia Militar e pior: mataram dois policiais civis em um tiroteio. Um assaltante também morreu em confronto com a polícia. A assessoria de imprensa da Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social (Sesed) informou que equipes das Polícias Civil e Militar estão em diligência na tentativa de prender os suspeitos de terem cometido os crimes. As buscas estão sendo gerenciadas pelo Centro de Inteligência da Sesed com o apoio de agentes da Divisão Especializada em Investigação Contra o Crime Organizado (Deicor). Além disso, a assessoria confirmou que as divisas do RN com a Paraíba e com o Ceará estão guarnecidas para evitar a fuga dos suspeitos. A expectativa, ainda segundo a assessoria de imprensa da Sesed, é de que até o final da tarde desta terça-feira, o secretário Aldair da Rocha emita uma nota oficial sobre os casos. Na tarde da segunda-feira (3), a Polícia Militar confirmou que as agências dos Correios nos municípios de Bom Jesus, distante 46 quilômetros de Natal, e Lagoa de Pedras, a 50 quilômetros da capital, foram assaltadas por homens fortemente armados. Nas duas cidades, os criminosos entraram nas agências, renderam funcionários e clientes e levaram dinheiro e pertences pessoais. O montante do dinheiro levado das agências não foi confirmado pelos Correios. A Polícia Militar acredita que os crimes foram cometidos por pessoas diferentes. “Como eles estavam em veículos diferentes, não acreditamos que os assaltos tenham ligação”, afirmou o subtenente da PM, João Maria Paiva. No início da noite da segunda-feira, dois policiais civis foram baleados durante confronto com bandidos nas proximidades do município de São José de Mipibu, na Região Metropolitana de Natal. Os policiais tentavam recuperar um veículo modelo Pick Up L200 roubado e posteriormente localizado através de GPS. Os policiais foram surpreendidos por criminosos armados que chegaram ao local da ocorrência em outra caminhonete atirando contra os agentes da Polícia Civil. Na troca de tiros, os dois policiais foram atingidos. Um deles, o policial Jovanez de Oliveira Borges, de 39 anos, morreu a caminho do Hospital Regional Deoclécio Marques de Lucena, em Parnamirim, município vizinho. O outro policial civil, Antônio Pereira Pinto Neto, de 48 anos, foi atingido por dois tiros de fuzil no crânio e no tórax. Ele foi socorrido ao Hospital Deoclécio Marques de Lucena, em Parnamirim, e em seguida transferido para o Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, em Natal. Antônio Neto foi submetido a três cirurgias para retirada dos projéteis mas não resistiu aos ferimentos e morreu na manhã desta terça-feira (4).

Fonte; g1.com

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *